Quais direitos o trabalhador perde ao se demitir?

O pedido de demissão é um direito de todo trabalhador, seja ele funcionário público ou privado. Mesmo com carteira assinada o empregado pode desistir da função, mas com algumas regras. E quando o pedido é do empregado ele perde alguns direitos. Saiba mais!

Como se deve pedir demissão

Pedir demissão significa que o empregado quebra o vínculo com a empresa e não ter mais direito a Calendário PIS 2018. Ele pode fazer isso quando quiser, mas necessita ser algo formal. Deve comunicar a empresa com ao menos 30 dias de antecipação, ao que é chamado de aviso prévio. Não comunicar pode tornar a demissão por justa causa e todos os direitos trabalhistas são perdidos.

O pedido de demissão também não significa deixar de ir trabalhar. Não frequentar a empresa porque não quer mais trabalhar nela é abandono de função. E abandonar também se perde os direitos trabalhistas de rescisão de contrato e outros bens. O emprego sai sem nada. 

O pedido de demissão deve ser feito ao superior responsável pela contratação. Pode ser um funcionário do departamento de Recursos Humanos, o supervisor do departamento ou mais alguém responsável. Deve ser feito em reunião formal e explicando os motivos de forma clara se tiver relação com a empresa. No geral não é preciso dar muitas informações porque é um direito do trabalhador não querer mais ir na empresa.

Os direitos que se perde ao pedir demissão

Pedir demissão quer dizer que o empregado desistiu de trabalhar com a empresa. A quebra de contrato foi da parte dele e por isso ele deve arcar com as consequências. Um dos pontos mais importantes é não ter direito a seguro desemprego. O seguro é dado por amparo por até seis meses apenas de quem foi demitido.

O empregado ao pedir demissão também perde direito:

  • Saque do FGTS – Fundo Garantidor por Tempo de Serviço;
  • Seguro desemprego.

O que ele ainda tem direito:

  • Ao 13º salário por período proporcional;
  • Folgas remuneradas de banco de horas;
  • Recebimento de férias proporcionais de acordo com o período que deixa a empresa.

Pedir demissão ‘suja a carteira’?

Muitas pessoas já ouviram que sair de empresa pode ‘sujar a carteira’. O termo é costumeiramente usado quando a saída do emprego deixa a assinatura de um curto período de tempo como experiência no currículo. Em alguns casos pode ser ruim.

Para a imagem do empregado pedir demissão não é ruim. Significa que ele não se adaptou à empresa ou a contratante não era de todo adequada. Também pode ser visto como ter conseguido uma proposta melhor. Se é você quem está quebrando o vínculo então tem suas vantagens de julgamento em uma futura entrevista para vaga de emprego.

O que normalmente não é bem visto é um curto período de tempo em uma contratação por diversas vezes seguidas. Um emprego que não consegue se firmar em um cargo (mesmo sempre se demitido) é visto no mercado como instável. Costumeiramente não é muito relevado no momento de ocupação de uma vaga.

Cuidados pessoais para se ter em viagens longas

Um longo período fora de casa em viagem não significa uma mala enorme para os cuidados pessoais. Não é preciso levar muita coisa na bagagem para cuidar da beleza, mas alguns itens são essenciais. Para quem está com viagem marcada temos algumas dicas bacanas a seguir. 

Como cuidar dos cabelos em viagens longas

Não ter consigo seu cabeleireiro de confiança não significa a morte dos fios lindos durante a viagem. O segredo está em escolher bons produtos e reservar um tempo no hotel para os tratos pessoais. O luminus hair funciona como uma super hidratação, por exemplo, e só precisa de uma aplicação semanal.

O principal trato com os cabelos é com a hidratação. Tente manter a frequência semanal e com um produto de ação rápida. As opções de três a cinco minutos são ótimas para o período de viagem. Tente também ampolas capilares para viagens no litoral.

Falando especificamente de viagens ao litoral, evite longos períodos sem lavar os cabelos. Tente lavar com água doce após praia ou piscina o mais breve possível, passando uma hidratação rápida em seguida.

Dicas de cuidados com a pele durante viagens longas

A pele não costuma sofrer muito se for bem cuidada durante o período de viagem. O ideal é ter seus produtos básicos consigo. Não ocupam muito espaço e sempre serão úteis.

No dia a dia ao longo da viagem tente sempre:

  • Não dormir com maquiagem para evitar uma pele gordurosa e desgastada. Lave o rosto sempre após chegar de algum evento;
  • Faça do protetor solar o seu melhor amigo. Ele deve sempre estar na bolsa, com um fator maior para a pele do rosto e nunca esquecer de repor quando estiver na praia ou piscina;
  • Tente dormir no ar condicionado do hotel sempre com hidratante para a pele. O ar condicionado deixa a pele ressecada;
  • Um batom de manteiga de cacau é ótimo para os dias frios ou excessivamente quentes e o clima ressecado de algumas regiões.

No mais é manter sempre os banhos com um bom sabonete, não deixar produtos na pele por muito tempo e tentar lavar o rosto sempre com água fresca em dias quentes.

Beber água também é muito importante para a pele e o corpo como um todo. A indicação médica é de ao menos dois litros por dia, um pouco mais em dias quentes.

E o que fazer com as unhas na viagem?

No geral as mulheres tendem a deixar as unhas prontinhas um dia antes de viajar. Mas sabemos que a esmaltação dura no máximo 10 dias e já começa a dar seus sinais de desgaste. Alguns truques podem ajudar a manter as mãos lindas sem precisar correr a um salão, como:

  • Leve lixa e removedor de esmalte. Em caso de acidente como unha quebrada ou esmalte saindo você pode fazer um pequeno reparo;
  • Prefira unhas em gel para este período. Duram mais e exigem manutenção mais longa;
  • Não gosta de unhas sem esmalte? Leve na mala adesivos para unhas. Com base e alguns minutos as pontinhas dos dedos estarão lindas de novo.

Como organizar emails por pasta no Gmail

O Gmail vai muito além de um simples correio eletrônico. Ele permite uma incrível organização que pode ser compartilhada em todos os dispositivos que acessam o e-mail. Uma das dicas é criar pastas para organizar os emails por temas. Saiba como fazer a seguir.

A utilidade das pastas no e-mail

Quem recebe poucas mensagens pode pensar: por que criar pastas dentro do Gmail? Simples: assim não é necessário ler de um por um os e-mails quando quiser ter acesso a uma mensagem em específico. A separação feita por remetente, assunto ou tipo de mensagem ajuda bastante a organizar o correio eletrônico. 

O Gmail possui alguns recursos para separar as mensagens primariamente. Selecionando a estrela no começo da mensagem, já quando ela chega, você a marca como ‘importante’. Filtrando apenas as importantes em uma busca só vão vir as marcadas.

As pastas ficam disponíveis no canto esquerdo da tela de sua caixa de entrada. Elas separam e-mails recebidos. Toda vez que você ler uma mensagem seleciona em qual local irá, em qual pasta deverá ficar a mensagem. No menu de opções da mensagem o desenho da pasta deve ser acionado e depois clicado e a mensagem vai direto para lá.

Os nomes das pastas podem ser modificados quando quiser. Também podem mudar de cor para facilitar na localização visual na caixa de entrada.

Como criar pastas no Gmail

Existem duas formas de criar uma pasta no Gmail: antes ou depois de ler um e-mail recebido. No canto direito da caixa de mensagens você consegue ver as pastas básicas: caixa de entrada, spam e lixeira. Abaixo destas pastas existe a opção “criar novo” e você pode selecionar e escolher qual pasta o novo nome.

Depois de ler uma mensagem é só selecionar  o desenho da pastinha e escolher as pastas já disponíveis para guardar. Se não não há uma pasta criada é só selecionar a opção “criar novo” e escrever o novo nome. A partir dai ela já vai aparecer nas opções de cima da tela. 

Outros recursos organizacionais do Gmail

Criar pasta não é apenas a única opção para ajudar a organizar mensagens no e-mail. Outros recursos bacanas são bem úteis, como:

Marcando os spans – uma mensagem chegou e te incomodou? Não receba mais e-mails deste remetente apenas clicando no símbolo de atenção após ler a mensagem. 

Usar marcadores – não são pastas. Logo, as mensagens ficam na caixa de entrada apenas com marcadores. Mas em uma busca já separam as informações e surgem as mensagens mais rapidamente.

Lixeira – não tem interesse na mensagem? Mande para a lixeira. Em 30 dias as mensagens jogadas por lá serão apagadas para não ocupar espaço do correio eletrônico.

O Gmail ainda permite alguns outros brindes que outros serviços de e-mail não possuem. Pode enviar anexos em imagens ou documentos, compartilha-se pastas por meio do Drive e pode ter assinatura eletrônica. A mensagem automática é uma boa pedida para quem vai se ausentar por um longo período do computador ou outro meio de ler mensagens.

 

5 Viagens no Brasil para quem ama se surpreender

Sabemos que em toda parte deste mundo existem lugares maravilhosos de tirarem o folego. E não é diferente aqui no Brasil. Muitas as vezes optamos por viajar para fora do país, perdendo a oportunidade de desfrutar o que temos de melhor aqui do nosso lado. 

5 Viagens no Brasil para quem ama se surpreender

O Brasil tem algumas das paisagens mais belas do planeta, com destinos incríveis para conhecer e passar as férias. São tantos os lugares que fica até difícil de escolher. De norte ao sul há várias opções para todos os gostos e costumes: praias, montanhas, rios, etc.

E por isso, selecionamos abaixo 5 destinos incríveis para quem ama se surpreender. 

1 – Cataratas do Iguaçu 

Localizadas no estado do Paraná, no Parque Nacional do Iguaçu, as Cataratas do Iguaçú são compostas por mais de 270 cachoeiras, abrigando o maior remanescente de floresta atlântica da região sul do Brasil. Já muito conhecida pelos estrangeiros, as Cataratas estão sendo redescobertas pelos brasileiros. 

O parque protege uma rica biodiversidade, onde algumas espécies estão entrando em extinção, como onça-pintada, puma, jacaré-de-papo-amarelo, papagaio-de-peito-roxo, araucária, e várias outras espécies. Dependendo do horário e do movimento de turistas no local, é possível avistar vários animais.

As cataratas do Iguaçú, é sem dúvidas, um dos lugares mais surpreendentes do Brasil.

2 – Fernando de Noronha 

A 354 km de Recife- PE, a ilha de Fernando de Noronha é conhecida por ser um santuário de tartarugas marinhas e dos golfinhos rotador, além de um belo pôr do sol. Com uma bela paisagem de tirar o folego, a ilha é muito bem preservada e aceita apenas 460 visitantes por dia.

O arquipélago tem alguns dos melhores locais para praticar mergulho e surf no Brasil. 

3 – Jalapão 

A combinação de dunas de areia, cachoeiras e rios de águas transparentes fazem o parque Estadual do Jalapão um dos lugares favoritos entre os aventureiros. Após o rafting em corredeiras de rio, você pode nadar por cachoeiras, desfrutando do parque intocado.

Na paisagem, dunas com até 30 metros de altura tornam o pôr-do-sol nessa região um espetáculo vivido diariamente pelos seus visitantes. 

4 – Lençóis Maranhenses 

Outra joia do nosso país são os lençóis maranhenses. Localizado no estado do Maranhão, o Parque Nacional do Lençóis Maranhenses entrega uma natureza exuberante  e preservada a seus visitantes, com suas dunas e lagoas de água doce. 

Você tem a oportunidade de poder desfrutar de passeios incríveis, além de ver um inesquecível pôr do sol conhecer a fauna e flora, e praias como a Barra do Tatu, Morro do Boi e Vassouras.

5 – Paraty

Localizada na costa sudeste do Brasil, Paraty é uma cidade que preserva centros históricos com prédios e monumentos bem preservados em suas ruas. Lá é proibido a circulação de automóveis.

Quem vai até lá, não pode ir embora antes de fazer passeios de barco e escunas.

Aos apaixonados pela natureza não faltam roteiros, já que na área da cidade estão o Parque Nacional da Serra da Bocaina, a Área de Proteção Ambiental do Cairuçú, onde fica a Vila da Trindade, e a Reserva da Joatinga. Para completar a lista de atrativos, Paraty faz limite com o Parque Estadual da Serra do Mar.